COMO FORTALECER O SISTEMA IMUNOLÓGICO COM 11 MANEIRAS NATURAIS.

COMO FORTALECER O  SISTEMA IMUNOLÓGICO COM 11 MANEIRAS NATURAIS.

Como fortalecer o sistema imunológico evitando doênças, principalmente gripes e resfriados, é o objetivo deste artigo

Pesquisas mostram que nossa dieta, estilo de vida e níveis de estresse desempenham um papel primordial na função imunológica. Com isso em mente, aqui estão algumas dicas práticas para apoiar um sistema imunológico saudável.

Assista direto do Youtube: TENHA SAÚDE DE FERRO COM ESTAS 7 FORMAS DE FORTALECER O SEU SISTEMA IMUNOLÓGICO.

Como sempre, quero mencionar que nenhuma das afirmações constantes neste artigo foi avaliada pela ANVISA, não é um conselho médico e não se destina a prevenir, diagnosticar ou tratar qualquer condição ou doença.

Como sempre, fale com seu médico sobre quaisquer suplementos ou grandes mudanças no estilo de vida que você esteja considerando. Agora que resolvemos isso, vamos nos aprofundar. 

Como fortalecer o sistema imunológico: Tenha uma melhor qualidade de sono.

fortaleça o sistema imunológico com um sono reparador

De acordo com a americana  Clínica Mayo : Estudos mostram que pessoas que não dormem com qualidade ou não dormem o suficiente têm maior probabilidade de adoecer após serem expostas a um vírus, como um vírus do resfriado comum.

A falta de sono também pode afetar a rapidez com que você se recupera se ficar doente.

Leia também: 10 BENEFÍCIOS DO ALHO PARA A SAÚDE.

Durante o sono, seu sistema imunológico libera proteínas chamadas citocinas, algumas das quais ajudam a promover o sono. Certas citocinas precisam aumentar quando você tem uma infecção ou inflamação ou quando está sob estresse.

A privação do sono pode diminuir a produção dessas citocinas protetoras. Além disso, os anticorpos e as células que combatem infecções são reduzidos durante períodos em que você não dorme o suficiente. 

É claro que acordar descansado às vezes é mais fácil dizer do que fazer. 

Como fortalecer o sistema imunológico: Otimize a vitamina D.

A vitamina D é um hormônio que age como um modulador do sistema imunológico – em outras palavras, ajuda nosso corpo a equilibrar-se entre um sistema imunológico subativo (maior suscetibilidade à infecção) e um hiperativo (autoimunidade). 

Não é surpresa, portanto, que baixos níveis de vitamina D, estejam associados a infecções mais frequentes (especialmente infecções por resfriado / gripe) e autoimunidade. 

Embora muitas pessoas se voltem para formas orais de vitamina D, pesquisas emergentes sugerem que nem todos os benefícios da luz solar estão necessariamente relacionados à produção de vitamina D.

Por esse motivo, tento obter quantidades saudáveis ​​de sol diariamente (sem queimar) o mais rápido possível.

Maneira 3. Coma alimentos ricos em probióticos (ou considere suplementos).

fortaleça o sistema imunológico com probióticos.

Quando alguém diz “sistema imunológico”, é fácil imaginar pequenos glóbulos brancos viajando pelo corpo fazendo seu trabalho. Na verdade, porém, em porcentagem, cerca de 70% das células que compõem nosso sistema imunológico vivem em um ponto, nosso intestino. 

“O intestino humano desempenha um papel enorme na função imunológica”, explica a Dra. Natalia Shulzhenko via website Science Daily. “Isso é pouco apreciado por pessoas que pensam que seu único papel é a digestão.

O número combinado de genes no genoma da microbiota é 150 vezes maior do que na pessoa em que residem. Eles nos ajudam a digerir os alimentos, mas fazem muito mais do que isso. ” 

Leia também: MELHOR CHÁ PARA DORMIR FEITO DA CASCA DA BANANA.

Os pesquisadores acreditam que as bactérias que vivem no intestino conversam com as células imunológicas e vice-versa, e que essa “conversa cruzada” molda a função imunológica e metabólica.

É provavelmente por isso que,  neste estudo  feito com jogadores de rugby, os pesquisadores descobriram que a suplementação com probióticos reduziu o número e a duração de infecções respiratórias e gastrointestinais. 

Alimentos ricos em probióticos:  chucrute,  kefir de água , alho fermentado  e iogurte de coco .

Como fortalecer o sistema imunológico: Mantenha-se hidratado.

manetnha-se hidratado para fortalecer o sistema imunológico.

De acordo com a ong americana Cleveland Clinic: 

Manter-se hidratado também pode aumentar sua saúde imunológica. A água ajuda seu corpo a produzir linfa, que transporta glóbulos brancos e outras células do sistema imunológico.

Tente evitar exagerar nas bebidas que podem causar desidratação, como café. Ou tente comer mais alimentos hidratantes, como pepinos, aipo ou melancia. ” 

Costumo fazer um grande lote de  chá com sabugueiro , hortelã-pimenta, urtiga ou outra erva enquanto preparo o café da manhã e depois o despejo em uma jarra que fica na mesa da cozinha. Quando meus filhos passam, geralmente pegam um copo porque gostam do sabor. 

Maneira #5 para um sistema imunológico forte: Concentre-se em alimentos nutritivos.

Sou verdadeiramente grato pelos medicamentos, naturais ou não, que nos ajudam a nos restaurar em tempos de doença. No entanto, como A entusiasta em imunidade Karen Pendergrass colocou: 

Medicina não é saúde, comida é saúde. Medicina é assistência médica. Vamos esclarecer tudo, para variar. 

Em outras palavras, a comida é uma das maneiras mais poderosas de apoiar a resiliência imunológica e a saúde geral. É por isso que estou garantindo que todos os A, B, C e outros nutrientes também sejam consumidos.

Aqui está uma visão geral do que eu estou focando. 

Vitamina A:

Níveis suficientes de vitamina A estão associados a melhores resultados após a infecção. No entanto, a “vitamina A” encontrada na batata-doce, cenoura e outras frutas e vegetais é na verdade beta-caroteno.

O beta-caroteno precisa ser convertido na forma biodisponível da vitamina A (retinol) encontrada em produtos de origem animal. 

A maioria de nós não possui o suficiente da enzima necessária para efetivamente fazer essa conversão. Na verdade,  este estudo  descobriu que apenas cerca de 3% é convertido e cerca de 45% dos adultos não conseguem fazer a conversão. 

Obviamente, folhas verdes escuras, legumes alaranjados e amarelos (batata doce, cenoura, abóbora e pimentão), melão, damasco, manga contêm muitos micronutrientes benéficos, além do betacaroteno.

Pessoalmente, apenas não confio neles para otimizar os níveis de vitamina A. 

Leia também: 10 REMÉDIOS CASEIROS PARA DOR DE BARRIGA.

Nota importante: Você encontrará muitos avisos associados ao consumo de vitamina A, citando sua toxicidade. De acordo com Chris Kresser, este aviso é legítimo se você estiver tomando suplementos de vitamina A e recebendo alimentos fortificados como cereais – mais um motivo para evitar os corredores do meio do supermercado!

Consumir alimentos de verdade onde ocorre naturalmente não é um problema, desde que você também esteja otimizando sua ingestão de vitamina D. 

Alimentos ricos em vitamina A:   fígado, manteiga de pasto, leite, gorduras animais como  banha  e  sebo e  óleo de fígado de bacalhau .

Vitamina B6:

A Cleveland Clinic lista a vitamina B6 como uma das três principais vitaminas para apoiar o sistema imunológico. Como eu prefiro dar vitaminas na forma de alimentos integrais dentro do possível, tomo pólen de abelha diariamente, rico em B6, além de B1, B2 e co-fatores que ajudam na absorção. 

Alimentos ricos em vitamina B6:  leite, queijo ricota, salmão, ovos, fígado, banana, abacate e pólen de abelha.

Vitamina C:

De acordo com este estudo , a vitamina C suporta “várias funções celulares do sistema imunológico inato e adaptativo”.

Nossos corpos não produzem vitamina C, então a única maneira de otimizar os níveis é através da ingestão alimentar.

Os alimentos ricos em vitamina C:  frutas cítricas, pimentão vermelho e amarelo (e, em menor medida pimentões verdes), e gomas caseiras feitas com alimentos ricos em vitamina C . 

Vitamina D:

Já falamos sobre como a vitamina D suporta o sistema imunológico acima, então vou mencionar algumas boas fontes aqui: 

Alimentos ricos em vitamina D : salmão, óleo de fígado de bacalhau, gemas de ovos e  banha de pasto .

Vitamina E:

De acordo com este estudo, “a vitamina E, um potente antioxidante lipossolúvel, encontrado em maior concentração nas células imunológicas em comparação com outras células do sangue, é um dos nutrientes mais eficazes conhecidos para modular a função imunológica.

Foi demonstrado que a deficiência de vitamina E prejudica as funções normais do sistema imunológico em animais e humanos, o que pode ser corrigido pela reposição de vitamina E. ”

No entanto, a Clínica Cleveland alerta que a suplementação de vitamina E pode causar mais mal do que bem e, em vez disso, recomendam se concentrar nas fontes de alimentos. 

Alimentos ricos em vitamina E:  Nozes, sementes, abacate e folhas verdes escuras.

Vitamina K:

As vitaminas D e K trabalham sinergicamente juntas, para obter todos os benefícios de que você precisa. 

Alimentos ricos em vitamina K : As duas formas principais são K1 e K2. A vitamina K1 é obtida através de vegetais de folhas verdes. A vitamina K2 é obtida através de alimentos fermentados e gorduras animais (queijo, manteiga e ovos) e também é sintetizada por bactérias no seu intestino.

Outros alimentos nutritivos e ervas:

alimentos nutritivos e ervas

Caldo de osso: A sopa de galinha tem sido reverenciada por suas propriedades de suporte imunológico, e pelo menos  um estudo  concluiu que “pode conter várias substâncias benéficas, atividade ”que ajudam a aliviar o desconforto.

Alho: De acordo com este estudo , “os benefícios do alho para a saúde são proclamados há séculos; no entanto, apenas recentemente Allium sativum e seus derivados foram propostos como candidatos promissores para manter a homeostase do sistema imunológico. ”

Em outras palavras, a pesquisa moderna está começando a validar alguns dos usos tradicionais do alho para apoiar o sistema imunológico. Especificamente, o estudo descobriu que o alho suporta processos imunológicos e inflamatórios equilibrados.

O alho cru, envelhecido ou fermentado é considerado mais potente que o alho cozido. Ao consumir alho cru, é melhor cortá-lo em cubos e esperar dez minutos antes de comer, para que um composto benéfico primário – alicina – tenha tempo para ser ativado.

Como fortalecer o sistema imunológico. Inclua ervas nutritivas e cogumelos:

ervas e cogumelos

Muitas ervas e cogumelos contêm micronutrientes que supostamente ajudam a saúde de várias maneiras. Posso escrever um artigo mais detalhado sobre isso em breve, mas, enquanto isso, aqui estão alguns que vale a pena considerar: 

  • Echinacea
  • Sabugueiro preto
  • Astrágalo
  • Reishi
  • Panax ginseng.

Como fortalecer o sistema imunológico: Reduza os níveis de estresse:

reduzir o estresse
reduzir o mestresse

Mais fácil falar do que fazer, certo? Todos sabemos que o estresse crônico prejudica a função imunológica, mas para muitos o estresse é uma realidade diária.

Maneira #8 para fortalecer o sistema imunológico: Exercício (mas não exagere):

“O exercício causa alterações nos anticorpos e nos glóbulos brancos (leucócitos). Os leucócitos são células do sistema imunológico do corpo que combatem doenças. Esses anticorpos ou leucócitos circulam mais rapidamente, para que possam detectar doenças mais cedo do que antes. ” 

Ele também desencadeia a liberação de hormônios do bem-estar e retarda a produção de hormônios do estresse. Obviamente, exercícios muito intensos podem ter o efeito oposto e realmente estressar o corpo; portanto, não exagere. 

Como fortalecer o sistema imunológico: Tente esfoliar a seco.

esfoliar a pele a seco para fortalecer o sistema imunológico.

Embora seja frequentemente recomendado para melhorar a suavidade e a textura geral da pele, os benefícios da esfoliação a seco são mais do que profundos. 

Eu mencionei anteriormente que nosso corpo precisa ser bem hidratado para produzir linfa, que leva os glóbulos brancos para onde eles são necessários.

Pensa-se que a esfoliação a seco ajuda a apoiar a função imunológica, melhorando o fluxo linfático (o exercício também ajuda). 

Maneira #10 para fortalecer o sistema imunológico: Álcool moderado.

beber álcool moderadamente para fortalecer o sistema imunológico.

O consumo excessivo de álcool enfraquece o sistema imunológico, enquanto um copo de vinho ou cerveja rico em polifenol pode ter um impacto positivo. 

Existem muitas fontes de polifenóis, portanto, se você não bebe, não há necessidade de começar. Se você gosta do copo ocasional, tudo bem também. 

Maneira #11 para fortalecer o sistema imunológico: Rir.

sorrir para fortalecer o sistema imunológico.

É sério. De acordo com o jornal online americano Chicago Tribune, “as células assassinas naturais que destroem vírus e tumores aumentam durante um estado de alegria.

O interferon gama, uma proteína de combate a doenças, surge com o riso, assim como as células B, que produzem anticorpos destruidores de doenças e células T, que orquestram a resposta imune. ” 

Deixe uma resposta

Voltar ao Topo
%d blogueiros gostam disto: